22 outubro 2015

Atividade com o livro Vicente em palavras

Posted by Blog Café Contexto On 09:02 No comments

Texto 01

Love In The Afternoon (Os Bons Morrem Jovens) Legião Urbana

É tão estranho

Os bons morrem jovens
Assim parece ser, quando me lembro de você
Que acabou indo embora, cedo demais
Quando eu lhe dizia, me apaixono todo dia
É sempre a pessoa errada
Você sorriu e disse: eu gosto de você também
Só que você foi embora cedo demais
Eu continuo aqui
Meu trabalho e meus amigos
E me lembro de você
Dias assim, dias de chuva, dia de sol
E o que sinto não sei dizer
Vai com os anjos, vai em paz
Era assim todo dia de tarde
A descoberta da amizade, até a próxima vez
É tão estranho
Os bons morrem antes
E lembro de você e de tanta gente que se foi cedo demais
E cedo demais, eu aprendi a ter tudo que sempre quis
Só não aprendi a perder
E eu que tive um começo feliz
Do resto não sei dizer
Lembro das tardes que passamos juntos
Não é sempre mas eu sei
Que você está bem agora
Só que neste ano eu sei que o verão acabou
Cedo demais

Disponível em <http://letras.kboing.com.br/legiao-urbana/os-bons-morrem-jovens/>Acesso em 25/09/2015.



QUESTÃO 01

O assunto tratado no texto 01 diz respeito à morte precoce de
 um jovem. "Love In The Afternoon" é uma das mais belas letras 
de Renato Russo. Trata-se de uma das poucas que lida com a 
morte de forma tão direta. Renato Russo, ao perder um 
grande amigo, disse a seguinte frase em uma entrevista:  
"É uma música que foi escrita para diversas pessoas e, quando 
o Kurt Cobain* morreu, pensamos assim: ' mas se encaixa
 direitinho'. Na verdade, esta música foi feita para todas 
as pessoas que vão embora cedo demais". Em outra ocasião, 
Renato dedicou esta letra a Ayrton Senna, que morreu aos 
34 anos, durante o Grande Prêmio de San Marino, em Ímola,
 na Itália, em 1º de maio de 1994, em um final de semana 
marcado por acidentes na Fórmula-1.
* Kurt Donald Cobain foi um cantor e compositor, famoso por ter sido o fundador, vocalista e guitarrista da banda Nirvana.
Vicente em palavras”, do autor Caio Riter, é um livro de muitas vozes. São vários narradores que escrevem sobre Vicente (Vico), um rapaz de quinze anos que morre em um acidente de skate. Em especial, é um romance polifônico. ELABORE um parágrafo, apresentando um argumento de causa e consequência (raciocínio lógico), relacionando a história de Vico à composição poética de Renato Russo.

Tanto a canção de Renato Russo quanto a narrativa de Caio Riter têm como tema principal a morte. O luto é tratado nos dois gêneros com tristeza e saudosismo, uma vez que enfatiza, através da escrita, a ausência de pessoas queridas que se foram cedo demais. Enquanto Renato compõe uma letra para expressar seu luto, diante da perda de um amigo, encontramos na narrativa de Riter, parentes e amigos que, em diferentes vozes, dizem da perda do garoto Vico, que morreu prematuramente, fato que apresenta similaridade com a letra da música, por tematizar a morte como um ciclo da própria vida, uma passagem que requer reflexões e inúmeros questionamentos.


QUESTÃO 02

Nos itens abaixo todas as figuras de linguagem foram corretamente classificadas, EXCETO em

(a) Quando eu lhe dizia, me apaixono todo dia. (ZEUGMA)

(b) Do resto não sei dizer. (ELIPSE)

(c) Eu continuo aqui
Meu trabalho e meus amigos
E me lembro de você
Dias assim, dias de chuva, dia de sol. (POLISSÍNDETO)

(d) É tão estranho/Os bons morrem jovens. É tão estranho/Os bons morrem antes. (ANÁFORA)

(e) E me lembro de você/ Dias assim, dias de chuva, dia de sol. (SILEPSE DE PESSOA)

crédito das questões: Professora Marília Mendes

0 comentários :

Postar um comentário

O Café Contexto agradece a sua visita!

Café Expresso