13 outubro 2011

Wonderful Tonight

Posted by Blog Café Contexto On 21:57 4 comments

Arquivo pessoal 2011



"
'And then I tell her
As I turn out the light
I say my darlin', you were wonderful  tonight."


Com uma fantástica abertura , estendendo do blues ao rock´n´Roll, passando por momentos acústicos indescritíveis, Eric Clapton demonstrou o motivo que o faz ser conhecido como o deus da guitarra. Elegante e pontual, não importando muito sua estreita comunicação e simpatia com o público, o que o remeteu a curtas frases como Good Night e Hi, e em outros momentos Thanks you... Ele mostrou ao que veio.

Depois de passar por duas capitais, foi em São Paulo que ele provou ter seu maior público amante e fiel do blues. Se o Blues  nasceu com a voz dos escravos dos campos de algodão no sul dos Estados Unidos, cantando   nas plantações e tentando aliviar o difícil trabalho braçal que exerciam ou até quem sabe , do lamento do andarilho das estradas, o  que chegou às cidades, com microfone e  guitarra elétrica, temos uma mescla no refinado perfil de Eric clapton, criando eufemismos com os dedos na guitarra e de forma bem privilegiada. Aos 66 anos, ele prova que nutre a lenda que o acompanha, com um show de ricas apresentações , com muitíssimo bom comportamento e pouca quebra no repertório. Eu diria, de muito bom gosto, seguindo a fio a lista de velhos clássicos como "Layla", "Before you Accuse me", "Cocaine e Badge", " Old Love ", Tearing us apart ", Lay Down Sally, "When somebody thinks youŕe wondeful", "Wonderfull tonight e Crossroads, que ficou ecoando na memória de muitos fãs e durante muito tempo, ainda vai mexer com nossas emoções.
Arquivo pessoal 2011
Um show romântico e suave, correspondendo aos solos do grande Eric , em sua íntima relação com a guitarra . Um som para olhos fechados, como ele o fez em quase uma hora e cinquenta minutos, deixando cada fã com uma espécie de inveja boa, ao sabê-lo que o show era dedicado ao amigo  Felipe Massa. Não importava. O show foi também para cada um, que conhece a música  imponente de Eric Clapton e sabe apreciá-la, ainda que ele alterne algum solo ou nos surpreenda com a mesma habilidade musical de sempre.
Obrigada , Eric . Você tem batizado as minhas noites com suas canções.
"And then you came up on the other side
To brighten up my day.
I knew right away
That this could be my day."
                                                                                   Marília Mendes

4 comentários :

Putz eu amo esse cara.faço idéia como foi a emoção de estar lá.Saudade docê. Como vão as coisas no novo emprego e aquele amor que vive voando?Convite pro casamento?
Leandro Matias da Unb

Marília, mandou bem.Esse blog tá cada dia com uma cara diferente mas sempre p'ra melhor.Você tá ficando fera hummmmmmmmmmmmmm. Já sei quem vai corrigir meus trabalhos.hahaha !
Beijo da Sua coordenadora Cristina Aguilar

Algumas pessoas vão te amar pelo que você é, outras vão te odiar pelo mesmo motivo...AMEI ISSO. VERDADE PURA.
Cristina Aguilar

Marília,só agora pude abrir todos os e-mails e ler sua postagem. Feliz ao ler alguma coisa que você escreve com tanto talento.Você é forte em todos os sentidos.Melhor momento do show? Todos foram demais. Beijo, minha Linda.
André

Postar um comentário

O Café Contexto agradece a sua visita!

Café Expresso