24 junho 2015

Revisitando Itabira

Posted by Blog Café Contexto On 21:16 No comments

ARQUIVO PESSOAL DA PROFESSORA LILA
O Pico do Amor está localizado em uma região bastante elevada de Itabira, de onde se tem uma visão panorâmica da Cidade. Localizado no Bairro Campestre e a 2 Km, aproximadamente, do centro de Itabira, é de lá que surgem as apresentações de cunho cultural, que fazem parte do Museu de Território Caminhos Drummondianos com a placa-poema Ausência.  

CENTRO HISTÓRICO DE ITABIRA-CASA DE DRUMMOND-
ARQUIVO PESSOAL DA PROFESSORA LILA



Os caminhos drummondianos foram refeitos em uma visita ao Centro histórico da cidade, seguidos da visitação ao memorial Carlos Drummond de Andrade no Pico do Amor. O acervo do memorial traz as mais importantes obras do poeta e, hoje, conta com um recurso midiático de leitor digital de livros (ainda em fase de testes), as paredes cobertas com poemas (poesia na parede), o que muito me lembrou a iniciativa dos mexicanos em colocar os versos na própria parede. A técnica é tradicional e através de imagens e cores, reproduz-se a poesia lírica do poeta itabirano, Carlos Drummond de Andrade.
ARQUIVO PESSOAL DA PROFESSORA LILA


A paisagem de Itabira contempla a poesia do seu filho ilustre. Mais que uma fotografia na parede, Itabira é um museu ao ar livre, o único da América Latina. Percorrer os caminhos drummondianos trouxe-nos conhecimento,  paz de espírito e muita poesia recitada pelos Drummonzinhos, pequenos guias locais que nos acompanharam durante a visita.  Excelente passeio!
                Professora Marília Mendes

0 comentários :

Postar um comentário

O Café Contexto agradece a sua visita!

Café Expresso